Hospital Regional de Patos

Complexo de Patos registra aumento de 27% nos atendimentos na Urgência e Emergência no plantão deste final de semana

Posted on

 

Entre as 18h da última sexta-feira (05) e a meia noite do domingo (07), o plantão da Emergência e Urgência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) registrou o atendimento a 211 pessoas, o equivalente a um aumento de 27% em relação ao plantão do final de semana anterior. Neste período, o hospital realizou 15 cirurgias, sendo todas elas de emergência. A unidade atendeu 20 pessoas por causa de sinistros de trânsito, sendo a maior parte delas (14 pessoas) envolvidas e incidentes com motocicletas, outras três com automóveis e ainda três vítimas de atropelamento.

O plantão de maior movimento foi o do sábado, quando 100 pessoas deram entrada na unidade, seguido do de domingo, quando outras 82 pessoas foram atendidas. Entre às 18h da sexta-feira, quando começa contar o plantão do final de semana,  até a meia noite domingo, outras 29 pessoas foram atendidas por causas diversas. Dos 15 procedimentos cirúrgicos, a maior parte foi de Cirurgia Vascular com sete casos, seguido de Cirurgia geral, com quatro procedimentos, houve ainda três cirurgias Ortopédicas e uma Buco-Maxilo.

Na emergência, além dos casos envolvendo os acidentados, os demais principais motivos dos atendimentos da unidade no plantão do final de semana foram de pacientes com queda da própria altura, dor abdominal, hipertensão, vacinação, dor na coluna, dor de cabeça, queda de nível, dor  muscular, dor pélvica, dor no peito e acidente com objeto perfuro/cortante, entre outros motivos.

O boletim de atendimento de pacientes vítimas de sinistros de trânsito mostra que dos 20 acidentados, cinco deles precisaram permanecer internados para cuidados posteriores. Boa parte deles era da cidade de Patos, com oito casos, mas, o hospital atendeu ainda vítimas das cidades de Água Branca, Desterro, Emas, Maturéia, Santa Inês, Santana dos Garrotes, São Bento, Vista Serrana, Tavares, Itaporanga, Mãe D’água e São Mamede. Em relação às vítimas de acidentes, comparando os dados deste final de semana com o passado, houve uma queda de 5% nos casos.

Das 15 cirurgias, três foram de Ortopedia
Das 15 cirurgias, três foram de Ortopedia
O Hospital realizou 15 cirurgias de emergência no plantão deste final de semana
O Hospital realizou 15 cirurgias de emergência no plantão deste final de semana

Complexo de Patos atendeu 166 pessoas na Urgência e Emergência e realizou 24 cirurgias no plantão deste final de semana

Posted on

A Emergência e Urgência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) atendeu 166 pessoas no plantão deste final de semana, entre as quais, 21 por causa de incidentes de trânsito, sendo a maior parte delas vítimas de acidentes com motocicleta. Entre às 18h da última sexta-feira (29) até a meia noite deste domingo (31), a unidade realizou 24 cirurgias, sendo quinze de urgência e nove eletivas, sendo nove Oncológicas, cinco Vascular, outras cinco de Cirurgia Geral, quatro Ortopédicas e uma buco-maxilo. Comparando os dados deste plantão com o anterior, houve um aumento de 3% nos atendimentos de urgência e emergência e a redução de 22% nos sinistros de trânsito.

O plantão de maior movimento foi o de domingo, quando 70 pessoas deram entrada no Complexo, seguido do plantão de sábado, quando foram atendidas outras 68 pessoas. E das 18h até a meia noite da sexta-feira, mais 28 pessoas passaram pela Urgência e Emergência da unidade. Seis pessoas vítimas de acidentes precisaram permanecer internadas após os primeiros atendimentos para cuidados posteriores.

Além dos casos envolvendo os acidentados com motos, no total de 16 casos, o hospital atendeu ainda quatro vítimas de sinistros com automóvel e uma pessoa que se acidentou com veículo de tração animal. Os demais principais motivos dos atendimentos da unidade neste final de semana foram de pacientes com dor abdominal, queda da própria altura, acidente com animal peçonhento/raivoso, dificuldade de respirar, dor no braço, contusão diversa/pancada, náusea e vômito, entra outros motivos.

O boletim de atendimento de pacientes vítimas de sinistros de trânsito mostra que além de acidentados da cidade de Patos, que teve sete ocorrências, a unidade ainda recebeu pacientes das cidades de Diamante, Malta, Santana de Mangueira, São José do Bonfim, Teixeira, Vista Serrana, Passagem, Desterro e da cidade de São Bento, essa última com quatro vítimas.

Das 24 cirurgias, 15 foram de emergência e nove eletivas
Das 24 cirurgias, 15 foram de emergência e nove eletivas
Foram realizadas 24 cirurgias, sendo quatro ortopédicas
Foram realizadas 24 cirurgias, sendo quatro ortopédicas
O Bloco cirurgico do Complexo de Patos esteve bem movimentado no plantão do final de semana
O Bloco cirurgico do Complexo de Patos esteve bem movimentado no plantão do final de semana
O plantão do final de semana registrou 24 cirurgias no Complexo de Patos
O plantão do final de semana registrou 24 cirurgias no Complexo de Patos

LIVE com médicos do Hospital do Bem esclarece dúvidas e orienta população sobre o que fazer e como proceder

Posted on

O câncer de boca é o quinto mais frequentes em homens no Brasil, com cerca cerca de 12 mil novos casos por ano no país, enquanto que o câncer de tireóide é o quinto mais comun entre as mulheres e os principais tumores na região da cabeça e pescoço são os de câncer de pele e os sintomas iniciais são as lesões. Essas foram algumas das informações compartilhadas durante o debate remoto promovido na noite desta quarta-feira (27), pela equipe de oncologia do Hospital do Bem, que integra o Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC).

Durante duas horas, o cirurgião do Hospital do Bem, especialista em tumores de cabeça e pescoço, Dr. Ericson Werter e a oncologista Dra. Nayarah Xavier, que atende no ambulatório da unidade, abordaram vários aspectos ligados ao câncer, passaram orientações de como proceder ao identificar qualquer anormalidade e desmistificaram mitos em relação a tratamento e prevenção. O evento está inserido nas comemorações do Julho Verde, que é o mês de conscientização mundial sobre os tumores de cabeça e pescoço, que representam o nono tipo de câncer mais comum no mundo. A live foi mediada pela Psicóloga do Complexo, Pryscilla Guedes.

Dr. Ericson Werter começou sua participação chamando atenção sobre o aparecimento de sinais na pele, destacando que quando a pessoa identificar algo como uma ferida que não cicratiza, que cresce e que seja uma lesão diferente, procure um dermatologista, que inicialmente, é quem identifica e faz os primeiros encaminhamentos. Em relação ao câncer de tireoide, ele afirmou que o surgimento de um  nódulo no pescoço  que muitas vezes só é perceptível em exames, mesmo sem sintomas, é preciso ser investigado. Sobre o câncer de boca, ele destacou que é mais comum em homens e que o cigarro e a bebida são os principais fatores de risco. Lesões que não cicatrizam na boca, lábios, na língua ou garganta, segundo o médico precisam ser investigados o quanto antes, já que esse tipo de câncer costuma ser bem agressivo.

A Dra. Nayarah Xavier iniciou sua fala abordando a conduta do hospital no tratamento de vários tipos de câncer, enaltecendo que embora o câncer de tireoide seja mais comum em mulheres, quando ele acomete homens tende a ser mais grave, porque as  mulheres procuram os médicos mais rápido e identificam a doença no período inicial. Ela também chamou atenção para a questão do HPV, que se tornou uma DST e que também atinge a cavidade oral, reiterando a importância da atenção dos odontologos na identificação de anormalidades atípicas que possam identificar um câncer em estágio inicial. Dr. Ericson reforçou lembrando que o profissional dentista está sempre atento a cavidade oral e ele é o mais importante para identificar lesões suspeitas de câncer de boca. Ele lembrou que dentista não vê só dente, mas avalia a cavidade oral e pode identificar lesões suspeitas, atuando na identificação precoce de lesões na boca.

Uma boa notícia destacada por Dr. Ericson é que a grande maioria dos pacientes do Hospital do Bem com tumores de cabeça e pescoço não precisam ser encaminhados para outros serviços para complementar tratamento, com exceção dos que necessitam de radioterapia que ainda não estão disponível na unidade. Sobre o diagnóstico do câncer de laringe, o médico explicou que ainda há ressalvas na unidade em função de ser necessário instrumentais específicos para tal demanda, mas que há alternativas de identificação da doença. Ele divulgou ainda que, somente em julho, foram realizadas 24 cirurgias de cabeça e pescoço no Hospital do Bem.

Dra. Nayarah Xavier lembrou da importância da existência e dos serviços do Hospital do Bem para atendimento dos pacientes no sertão e destacou a importância de se ressignificar a palavra câncer. “Por  mais que no nome pese, é preciso tirar a ideia das pessoas que isso é uma sentença de morte, que não há mais jeito. Não é isso. A nossa atuação e os recursos que dispomos é uma prova de que a gente consegue mudar essa trajetória”, falou ela, lembrando que  todo o processo de marcação de serviços na unidade, com exceção da primeira regulação que é feita pela Central do Estado, é feita no Hospital do Bem o que facilita e agiliza os processos. Ela abordou ainda a questão do câncer de pele que acomete a população por causa da exposição desprotegida ao sol e também a  cargas de radiação de outras fontes de energia. Neste aspecto, ela reiterou a importância do uso do protetor solar.

A médica lembrou ainda a importância do auto-exame, no pescoço, no couro cabeludo, na boca para identificação precoce da doença. “90% dos tumores de cabeça e pescoço são curáveis quando diagnosticados precocemente, muito embora 60% dos tumores sejam identificados em fase tardia”, reiterou Dr. Ericson.

 “A primeira experiência foi muito boa. Tivemos uma boa repercussão, além de muita interação e o formato deste debate, já que ele pode ser acompanhado de onde a pessoa estiver, bastando apenas ter sinal de internet e acesso ao facebook, possibilita que mais pessoas possam ser orientadas quanto às formas de prevenção, os fatores de risco e também tirem dúvidas”, afirmou o diretor geral do Complexo de Patos, Francisco Guedes.

Dr. Ericson Werter, cirurgião de cabeça e pescoço do Hospital do Bem
Dr. Ericson Werter, cirurgião de cabeça e pescoço do Hospital do Bem
A psicóloga Pryscilla Guedes mediou a live
A psicóloga Pryscilla Guedes mediou a live
O debate remoto reuniu os médicos Ericson Werter e Nayarah Xavier
O debate remoto reuniu os médicos Ericson Werter e Nayarah Xavier
Dra. Nayarah Xavier, ocologista do Hospital do Bem
Dra. Nayarah Xavier, ocologista do Hospital do Bem

Serviço de Hemodinâmica do Hospital de Patos será inaugurado nesta sexta-feira

Posted on

A Secretária de Estado de Saúde, Renata Nóbrega e o Secretário Executivo de Gestão de Rede de Unidades de Saúde da Paraíba, Jhony Wesllys, estarão em Patos, nesta sexta-feira (29) para dar início aos serviços de Hemodinâmica do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) e fazer a entrega do novo Tomógrafo de 64 canais e do Mamógrafo Digital da unidade que já estão em operação. A solenidade acontecerá às 9h, no hall do Hospital do Bem, que integra a unidade hospitalar.

 Na ocasião, as autoridades de saúde e a direção do hospital falarão a Imprensa e mostrarão aos convidados os avanços da unidade que é referência em Urgência e Emergência, Clínica Médica e Oncologia para 89 municípios do sertão paraibano. “É um dia histórico para a cidade de Patos e região no tocante a saúde pública, pois marca o início dos serviços da hemodinâmica que vai possibilitar um salto de qualidade na assistência aos nossos pacientes”, destaca o diretor do Complexo, Francisco Guedes. Ele lembra que a unidade já melhorou esse atendimento com a realização de exames nos novos tomógrafo e mamógrafo, além de outros equipamentos de ponta que também foram adquiridos pela unidade.

O diretor clínico do Complexo, Dr. Pedro Augusto explica que com o serviço de Hemodinâmica, o hospital passará a realizar cateterismo cardíaco para o diagnóstico e tratamento de doenças do coração além de outros exames. “A Hemodinâmica estuda as artérias – tanto as coronárias (coração) quanto as do cérebro e vascular periféricas. Com esse  equipamento e a realização de exames  a equipe vai poder avaliar por meio de imagens a condição de pacientes que apresentam problemas cardíacos como infarto, AVC, arritmias, hemorragias internas graves, tromboses vasculares e aneurismas arteriais”, reitera o médico.

Francisco Guedes, diretor geral do Complexo destaca momento ímpar da unidade com os serviços de hemodinâmica
Francisco Guedes, diretor geral do Complexo destaca momento ímpar da unidade com os serviços de hemodinâmica
Dr. Pedro Augusto, diretor técnico do Complexo de Patos destaca avanço da unidade com a hemodinâmica
Dr. Pedro Augusto, diretor técnico do Complexo de Patos destaca avanço da unidade com a hemodinâmica
Os exames de tomografia já estão sendo realizados no tomógrafo de 64 canais
Os exames de tomografia já estão sendo realizados no tomógrafo de 64 canais
O novo mamógrafo digital já está funcionando
O novo mamógrafo digital já está funcionando
O aparelho de hemodinâmica já está instalado e em teste
O aparelho de hemodinâmica já está instalado e em teste
Com o aparelho de hemodinâmica o hospital de Patos ofertará outros serviços
Com o aparelho de hemodinâmica o hospital de Patos ofertará outros serviços
Com os novos equipamasmentos o hospital de Patos  deu um salto qualitativo em exames de imagens
Com os novos equipamasmentos o hospital de Patos deu um salto qualitativo em exames de imagens

161 atendimentos, 17 cirurgias e 27 acidentados marcam plantão do final de semana na Emergência e Urgência do Hospital de Patos

Posted on

O plantão da Emergência e Urgência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) neste final de semana foi marcado por 161 atendimentos, 17 cirurgias, sendo 16 delas de emergência,  e 27 pessoas acidentadas. O maior volume de atendimentos foi no plantão do dia 23, quando 73 pessoas foram atendidas. No domingo, outras 66 pessoas deram entrada na unidade e das 18h até a meia noite da sexta-feira, outros 22 atendimentos foram registrados. Apesar dos dados expressivos, em relação aos atendimentos o hospital teve queda de 14% na urgência e emergência e de 7% nos sinistros de trânsito em relação aos números do final de semana passado.

Das 27 pessoas que deram entrada na unidade por causa de sinistros de trânsito, 20 delas foram decorrentes de acidentes com motos e sete por acidentes com automóvel. Dos acidentados, cinco precisaram ficar internados para cuidados posteriores. A maior parte dos acidentados foi da cidade de Patos, com 10 pessoas no total, mas o hospital recebeu pacientes de Água Branca, Cacimbas, Ibiara, Mãe D´água, Nova Olinda, Olho D’água, Santa Luzia, São José do Bonfim, Sousa, Desterro, Piancó, Princesa Isabel e até um acidentado vindo da cidade de Afogados da Ingazeira, localizada em Pernambuco.

Na emergência, além dos casos envolvendo os acidentados com motos e automóveis, os demais principais motivos dos atendimentos da unidade neste final de semana foram de pacientes com dor abdominal, queda da própria altura, contusão diversa/pancada, acidente com animal peçonhento ou raivoso, náusea e vômito, dificuldade de respirar, queda de nível, dor no peito, entre outros motivos.

37A maior parte das cirurgias no plantão foi de Ortopedia
37A maior parte das cirurgias no plantão foi de Ortopedia
A maior parte das cirurgias no plantão foi de Ortopedia
A maior parte das cirurgias no plantão foi de Ortopedia
Das 17 cirurgias, 16 foram de emergência
Das 17 cirurgias, 16 foram de emergência

Complexo de Patos celebra Julho Verde realizando uma LIVE com médicos do Hospital do Bem

Posted on

Julho Verde é o mês de conscientização mundial sobre os tumores de cabeça e pescoço, que representam o nono tipo de câncer mais comum no mundo, segundo dados da Agência Internacional de Pesquisa em Câncer, uma agência da Organização Mundial da Saúde (OMS). E para lembrar a importância desse momento, o Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) realizará um debate remoto (LIVE), com a participação de profissionais da unidade. A LIVE acontece a partir das 19h, do próximo dia 27, através da página do Facebook da Psicóloga do Complexo, Pryscilla Guedes, https://www.facebook.com/pryscilla.guedes, que vai atuar como mediadora do evento.

O objetivo da iniciativa é chamar a atenção da importância dos cuidados preventivos que todos devem ter com a saúde, com especial, atenção a questões ligadas a oncologia, mais especificamente sobre os tumores de cabeça e pescoço. Por isso, um dos debatedores da Live será o cirurgião do Hospital do Bem, especialista nestas áreas, Dr. Ericson Werter. A outra convidada será a oncologista Dra. Nayarah Castro Xavier, que atende no ambulatório da unidade.

 “Quando o câncer é identificado em seu estágio inicial, as chances de cura são muito maiores que em estágios mais avançados, além de outras doenças, portanto, a prevenção será sempre a melhor escolha”, destaca a diretora do Hospital do Bem, Lidiane Nascimento, uma das organizadoras da Live. Esse é o segundo debate remoto que o hospital realiza este ano. O primeiro foi no dia 7 de abril, em celebração ao Dia Mundial da Saúde, comemorado naquela data, e ao Dia Mundial de Luta Contra o Câncer, festejado no dia 8 de abril.

“A primeira experiência foi muito boa. Tivemos uma boa repercussão, além de muita interação e o formato deste debate, já que ele pode ser acompanhado de onde a pessoa estiver, bastando apenas ter sinal de internet e acesso ao facebook, possibilita que mais pessoas possam ser orientadas quanto às formas de prevenção, os fatores de risco e também tirem dúvidas”, complementa o diretor geral do Complexo de Patos, Francisco Guedes. Ele lembra que a Live não será transmitida pelo canal oficial do Complexo em respeito à Lei Eleitoral que veda inserções de qualquer natureza nas redes sociais de unidades de saúde pública nesta época.

A Live sobre o Julho Verde acontece no próximo dia 27
A Live sobre o Julho Verde acontece no próximo dia 27

Novo Tomógrafo de 64 canais do Hospital de Patos já está em pleno funcionamento no Centro de Imagens da unidade

Posted on

 

Desde ontem (18) que o Centro de Imagem do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) começou a realização de exames com o novo tomógrafo de última geração, de 64 canais. Para se ter uma ideia do salto de qualidade de imagens e ganho dos pacientes e profissionais na identificação e melhoria de diagnósticos, basta ressaltar que o equipamento anterior tinha apenas oito canais. E no primeiro dia de operação do novo equipamento, 18 tomografias foram realizadas.

O diretor geral do Complexo, Francisco Guedes, reforça que o salto de qualidade nas imagens e nos diagnósticos serão expressivos daqui em diante. “É preciso ressaltar que nós tínhamos um tomógrafo de oito canais e agora dispomos de um aparelho de 64 canais, de última geração, que tem uma qualidade de imagem comparado até a uma ressonância”, afirma o diretor, lembrando que isso não apenas aperfeiçoou o fechamento de diagnóstico, com uma melhor qualidade de imagens, como deu mais agilidade na realização dos exames já que o novo tomógrafo é bem mais rápido.

Além do novo Tomógrafo, o hospital ganhou recentemente dois aparelhos de ultrassom de última geração, sendo um deles instalado no Centro de Imagens e outro no Hospital do Bem, que também já está operando com um novo mamógrafo digital. “São aquisições muito importantes e que nos permitem ter mais agilidade e qualidade nos exames, permitindo um fechamento de diagnóstico ainda mais seguro e preciso. As imagens do novo tomógrafo, por exemplo, são mais claras e objetivas permitindo uma melhor interpretação e diagnóstico”, reitera o diretor clínico do Complexo, Dr. Pedro Augusto.

A qualidade de imagens é o grande diferencial deste novo tomógrafo de 64 canais
A qualidade de imagens é o grande diferencial deste novo tomógrafo de 64 canais
No primeiro dia de funcionamento do novo tomógrafo foram realizados 18 exames
No primeiro dia de funcionamento do novo tomógrafo foram realizados 18 exames

Urgência e Emergência do Complexo de Patos atendeu 188 pessoas e realizou 21 cirurgias no plantão do final de semana

Posted on

O plantão do final de semana (15 a 17) na Urgência e Emergência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) registrou o atendimento a 188 pessoas, das quais, 29 vítimas de sinistros de trânsito. Entre às 18h da última sexta-feira até a meia noite deste domingo foram realizadas ainda 21cirurgias, sendo 17 de emergência e outras quatro eletivas. Comparando os dados deste final de semana com o passado, a unidade teve uma queda de 8% nos atendimentos de urgência e emergência e não apresentou alteração no número de sinistros de trânsito.

 O plantão de maior movimento foi o de sábado, quando foram atendidas 86 pessoas, seguido do de domingo, com mais 74 atendimentos e, na sexta-feira, das 18h até a meia-noite, outras 28 pessoas deram entrada na unidade. Dos pacientes vítimas de sinistros, 26 deles foram de pessoas que estavam em motocicletas e três em automóvel. Dos 26 pacientes acidentados, cinco permaneceram internados para cuidados posteriores.

A maior parte das vítimas de acidentes foi da cidade de Patos, com 15 pessoas no total, mas o hospital também atendeu pacientes das cidades de Cacimba de Areia, Cacimbas, Catingueira, Catolé do Rocha, Curral Velho, Emas, Igaracy, Santa Teresinha, São Bento, Teixeira e Santa Inês.

Na Urgência e Emergência, além dos casos envolvendo os acidentados com motos e carros, os demais principais motivos dos atendimentos da unidade neste final de semana foram de pacientes com queda da própria altura, dor abdominal, vacinação, dor de cabeça, queda de nível, dificuldade de respirar, contusão diversa/pancada, convulsão ou malo epiléptico, dor no peito, náusea e vômito, entre outros motivos. Dos 21 procedimentos cirúrgicos, oito foram de Cirurgia Geral, outros oito de Ortopedia e outros cinco procedimentos Vascular.

Foram relizadas 17 cirurgias de emergência no plantão deste último final de semana
Foram relizadas 17 cirurgias de emergência no plantão deste último final de semana
Das 21 cirurgias realizadas no plantão do final de semana, 17 foram de emergência
Das 21 cirurgias realizadas no plantão do final de semana, 17 foram de emergência
Foram  oito cirurgias geral, outras oito ortopédicas e mais cinco vascular
Foram oito cirurgias geral, outras oito ortopédicas e mais cinco vascular
Foram realizadas 21 cirurgias no Complexo de Patos no plantão do final de semana
Foram realizadas 21 cirurgias no Complexo de Patos no plantão do final de semana

Novo Tomógrafo de 64 canais do Hospital de Patos entra em operação a partir da próxima segunda-feira

Posted on

A partir da próxima semana, o Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) vai dar um salto de qualidade no atendimento à população sertaneja no que diz respeito a exames de imagens. Isto porque a unidade, que é referência para a população de 89 municípios da terceira macro região de saúde, começa a trabalhar com o novo tomógrafo de última geração, de 64 canais. Essa semana, os técnicos da GE estão concluindo a capacitação dos profissionais que irão operar o equipamento já a partir da próxima segunda-feira (18).

O diretor geral do Complexo, Francisco Guedes, explica que o salto de qualidade nas imagens e nos diagnósticos serão expressivos. “É preciso ressaltar que nós tínhamos um tomógrafo de oito canais e agora passaremos a contar com um aparelho de 64 canais, de última geração, que tem uma qualidade de imagem comparado até a uma ressonância”, destaca o diretor, lembrando que isso aperfeiçoará o fechamento de diagnóstico, com mais agilidade na realização dos exames.

Francisco lembra que foi preciso alguns meses para que o equipamento entrasse em operação, mas que esse foi o tempo necessário para que a unidade fizesse adequações nos espaço onde ele foi instalado, uma exigência da própria GE. “Essa adequação era uma exigência do fabricante do tomógrafo para que ele funcionasse adequadamente”, destaca o diretor, adiantando que a partir da próxima segunda-feira os exames de tomografia no Centro de Imagem do hospital já serão feitos com o novo equipamento.

Além do novo Tomógrafo, o Hospital de Patos incorporou ao seu patrimônio nos últimos seis meses outros equipamentos que deram um salto de qualidade na realização de exames de imagens e outras atividades, a exemplo dos dois aparelhos de ultrassom, do mamógrafo digital, do Videolaparoscópio, que permite a realização de cirurgias abdominais não invasivas e de um Angiográfo, que vai permitir a unidade atender pacientes em demandas de hemodinâmica, que precisem de cirurgia vascular, revascularização e ainda de cateterismo. “A aquisição destes equipamentos foi um passo importante para transformar nossa unidade em um hospital de trauma do sertão, inclusive, com a ampliação de leitos”, finaliza Francisco.

Os novos equipamentos deram um salto de qualidade no fechamento de diagnósticos de exames por imagem
Os novos equipamentos deram um salto de qualidade no fechamento de diagnósticos de exames por imagem
O treinamento da equipe do hospital com os técnicos da GE será conclupido essa semana
O treinamento da equipe do hospital com os técnicos da GE será conclupido essa semana
O tomográfo já está plenamente instalado no Hospital de Patos
O tomográfo já está plenamente instalado no Hospital de Patos
O novo tomográfo está instalado no Centro de Imagens do Hospital de Patos
O novo tomográfo está instalado no Centro de Imagens do Hospital de Patos
O diretor geral do Complexo de Patos, Francisco Guedes
O diretor geral do Complexo de Patos, Francisco Guedes
Novo ultrassom já em pleno funcionamento
Novo ultrassom já em pleno funcionamento
As imagens do novo tomográfo são muito mais precisas
As imagens do novo tomográfo são muito mais precisas
A capacitação dos profissionais que vão operar o novo tomográfo será conclupida essa semana
A capacitação dos profissionais que vão operar o novo tomográfo será conclupida essa semana

Emergência e Urgência do Hospital de Patos registra 10% de aumento nos atendimentos e 32% nos sinistros de trânsito

Posted on

O plantão deste final de semana (8 a 10) da Emergência e Urgência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) registrou um aumento de 10% e de 32% nos sinistros de transito. De acordo com o relatório de prestação de serviços da unidade foram atendidas 205 pessoas neste período, das quais 29 foram de vítimas de sinistro de trânsito. No plantão houve ainda a realização de 15 cirurgias, sendo 13 de emergência e duas eletivas. Foram cinco Cirurgias Geral, quatro Ortopédicas, quatro Vascular e duas Oncológicas.

O plantão de maior movimento foi o do dia 09, quando 106 pessoas foram atendidas, seguido do de domingo, quando outras 79 pessoas deram entrada no hospital. Das 18h da sexta-feira, quando começou o plantão do final de semana, até a meia  noite, outras 20 pessoas foram atendidas na Emergência e Urgência do Complexo.

O relatório de gestão do hospital, que integra a rede estadual de saúde, apontou que 29 pessoas deram entrada na unidade por causa de sinistros de trânsito, a grande maioria delas, ou seja, 22 foram em decorrência de acidentes com motos, dois com bicicletas, mais cinco pessoas com automóvel. Dos acidentados, a maior parte deles foi da cidade de Patos, com oito pessoas no total. Mas, o hospital atendeu ainda acidentados de outros 16 municípios da região.

Na emergência, além dos casos envolvendo os acidentados com motos, os demais principais motivos dos atendimentos da unidade neste final de semana foram de pacientes com queda da própria altura, dor abdominal, dificuldade de respirar, vacinação, contusão diversa/pancada, dor na coluna, rebaixamento da consciência/desmaio, dor no peito, dor no tórax, acidente com objeto perfuro/cortante, entre outros motivos.

O bloco cirurgico do Hospital de Patos ficou movimentado no final de semana
O bloco cirurgico do Hospital de Patos ficou movimentado no final de semana
Quatro cirurgias ortopédicas foam realizadas no plantão do final de semana do Complexo
Quatro cirurgias ortopédicas foam realizadas no plantão do final de semana do Complexo
Das 15 cirurgias realizadas, 13 foram de emergência
Das 15 cirurgias realizadas, 13 foram de emergência
Durante o plantão do final de semana foram realizadas 15 cirurgias no Complexo
Durante o plantão do final de semana foram realizadas 15 cirurgias no Complexo