Author: administrador

COMO FUNCIONA O PROCESSO DE PRODUÇÃO DE UM VÍDEO?

Posted on

10

 

A publicidade é um dos fatores mais importantes na jornada de compra do cliente de qualquer empresa, já que ela é a ferramenta que permite que os consumidores encontrem o produto ou serviço que desejam comprar.

Existem inúmeros formatos, recursos e ações estratégicas diferentes que podem ser usados para promover uma marca, ideia, conceito ou mercadoria. Entre eles, a produção audiovisual é uma das mais tradicionalmente utilizadas, por causa de sua capacidade de transmitir uma mensagem aos seus espectadores com precisão.

Por isso, no artigo de hoje, mostraremos um passo a passo de todo o processo de produção de vídeo, desde as etapas mais simples, até as mais complexas. Continue a leitura do conteúdo para conferir!

Criação do roteiro

A primeira coisa a ser feita em uma produção de vídeo é captar todas as ideias, informações e os objetivos que estão soltos e uni-los em um único local, com o intuito de traçar um planejamento a ser seguido por todos os envolvidos no projeto.

Em outras palavras, o roteiro é o projeto do vídeo em si. Nele, devem constar os principais elementos narrativos. Por isso, é importante analisar as informações de marketing e estudar referências antes de simplesmente dar andamento às gravações.

Afinal, o roteiro deve atingir não somente as necessidades de comunicação da empresa, mas também o perfil de seus clientes, para que o resultado do conteúdo gerado seja capaz de se comunicar com o público-alvo.

Vale ressaltar, ainda, que o roteiro deve ser escrito por alguém que tenha conhecimento sobre o que está fazendo, já que ele é a base de todo o projeto. Portanto, considere a possibilidade de contar com o auxílio de uma empresa especializada em produção de vídeo, para gerar melhores resultados, obter um ótimo custo-benefício e facilitar o trabalho.

Planejamento do orçamento (pré-produção)

Essa é a etapa em que, com base no roteiro, toda a execução das tarefas é minuciosamente planejada. As principais atividades a serem desenvolvidas são:

  • estudo das datas de gravação;
  • escolha de cenários/locações;
  • escolha de atores/atrizes;
  • escolha dos apresentadores/locutores;
  • escolha das referências que serão seguidas;
  • levantamento de custos, despesas e investimentos (materiais, figurino, equipamentos etc.) necessários para concretizar o projeto.

Com base nessas informações, é possível realizar todo o processo de pesquisa, entrevistas e, é claro, definir em média qual será o orçamento para que a produção siga adiante.

Lembrando que, muitas vezes, a gravação em locais públicos exige uma solicitação e autorização de órgãos, como a prefeitura da região e, em ambientes privados, a prévia autorização dos responsáveis pela área.

Escolha do formato/tipo de vídeo

Assim que você tiver todos os objetivos da produção de vídeo definidos, é a hora de escolher o melhor formato para o seu conteúdo, pois é a partir dele que você definirá o tom da locução, o tempo de duração, ritmo, a identidade visual e outros aspectos que darão “personalidade” ao projeto.

Vale mencionar que a escolha do formato do vídeo deve sempre considerar o perfil dos consumidores que o assistirão. Em outras palavras, é preciso que o conteúdo audiovisual se comunique utilizando uma linguagem que atraia os clientes.

Preparação do equipamento

Essa é uma etapa muito importante, pois, se você não tem experiência ou disponibilidade para usar equipamentos profissionais para realizar a sua produção de vídeo, é realmente recomendado procurar a ajuda de especialistas no setor.

Gravar o seu vídeo com equipamentos amadores e falta de conhecimento pode gerar resultados frustrantes, desperdiçar tempo e recursos, além do fato que uma câmera profissional, por exemplo, quando manuseada por alguém sem experiência, não proporciona nem metade de seu potencial.

Quem realiza a produção de vídeo são os envolvidos no projeto, mas, para obter um resultado satisfatório, não vale a pena arriscar todo o planejamento, por conta de possíveis falhas técnicas, configurações equivocadas nos equipamentos e falta de habilidade de manuseio.

Entre os equipamentos que você precisará para sua produção de vídeo, podemos citar os principais:

  • câmeras para gravação de vídeo;
  • tripés;
  • steadicams (suporte específico para estabilizar a câmera);
  • microfones externos;
  • microfones de lapela;
  • equipamentos de iluminação.

Essas, entre outras ferramentas indispensáveis para a produção de um conteúdo audiovisual de qualidade.

Produção

Se você já tem o roteiro definido, o orçamento do projeto e sabe como colocá-lo em prática, então é a hora de pôr a mão na massa e iniciar a produção de vídeo. Basicamente, esse é o momento que abrange todo o processo de gravação e tudo que ele envolve, como a escolha dos equipamentos, equipe técnica, atores, locações etc.

Além disso, é nessa etapa que entram as gravações dos áudios com os locutores e apresentadores, seja em um estúdio ou em uma locação externa. A produção representa os bastidores do projeto, envolvendo o trabalho de vários profissionais para que tudo corra perfeitamente.

É imprescindível que haja uma pessoa responsável para conduzir todo o processo e coordenar a equipe, garantindo que todo o planejamento e o roteiro sejam seguidos dentro dos padrões de qualidade. Esse responsável é conhecido como o diretor da produção.

Edição (pós-produção)

Após a etapa de gravação de todas as cenas e áudios que serão usados no vídeo, é a hora de realizar uma das tarefas que mais demanda responsabilidade em todo o projeto: a edição.

Resumindo, esse é o processo de selecionar apenas as melhores cenas e takes, organizando-os de forma linear, de modo que uma mensagem seja transmitida ao espectador com coerência e clareza.

É nessa etapa que são adicionados recursos como efeitos visuais, trilhas sonoras, locuções, artes gráficas e todo o conceito do diretor. Por isso, é muito importante que o editor de vídeo tenha experiência e discernimento para capturar a ideia do roteiro e transmiti-la no resultado final da edição.

Somando o nível de responsabilidade que a edição de vídeo exige ao tempo que ela pode demandar, é muito comum que esse processo seja terceirizado para empresas e profissionais experientes, o que agiliza o andamento do projeto e elimina riscos de comprometer os resultados almejados.

Tempo e o custo de uma produção de vídeo

Sabemos que imprevistos podem ocorrer durante as etapas da produção de vídeo, comprometendo toda a cadeia logística e gerando atrasos ou prejuízos. Mas, ao seguir todos os passos que mencionamos no artigo, é possível evitar uma série de contratempos e obter ótimos resultados sem grandes complicações.

Uma produção de vídeo institucional, por exemplo, pode demandar investimentos que variam entre R$ 15 mil a R$ 30 mil em média, podendo durar de 15 dias até meses, dependendo do nível de complexidade e das necessidades do projeto.

Entretanto, vale lembrar que uma produção de vídeo oferece um ótimo retorno de investimento, já que o tempo de vida útil do material obtido pode ser de quatro, cinco, seis anos, ou até mais do que isso.

Agora que você já conhece todo o processo de produção de vídeo, siga nossos perfis no FacebookLinkedinGoogle+VimeoYoutube e no Twitter para não perder nenhum dos conteúdos que compartilhamos também por lá!

Jeová Campos convoca militância a participar de ato com a presença de Haddad na próxima quinta-feira em João Pessoa

Posted on

O Deputado estadual Jeová Campos (PSB) faz um convite a sua militância, a todos que participam de sua caminhada rumo a um novo mandato na ALPB e, sobretudo, àqueles que defendem a Democracia e eleições livres, a participarem dos atos políticos que acontecerão na próxima quinta-feira (23), em torno do candidato a vice-presidente pelo PT, Fernando Haddad. Ele está fazendo um tour pelo Nordeste essa semana e incluiu João Pessoa como um dos roteiros.

“Nesta quinta, a Caravana de Lula chega a João Pessoa, liderada por Haddad, e nós vamos nos integrar a ela, vamos estar juntos, durante toda a programação, que começa com um encontro com professores, pela manhã, e depois segue pelas ruas, culminando com um ato político no Clube Cabo Branco. Lula presidente, Lula 13, eleições livres só com Lula. O Brasil precisa se reencontrar com a Democracia. Vamos juntos”, reiterou Jeová, convocando a militância em vídeos postados em sua rede social.

Jeová lembrou que Haddad é o vice do Lula e que o representa muito bem. “Como Lula não pode sair da prisão política que o colocaram, injustamente, Haddad vai falar por ele, por isso é tão importante a participação de todos. Vamos mostrar nossa força”, finalizou Jeová, que comemorou os números da pesquisa Ibope, divulgada essa semana, que coloca Lula como favorito a presidente, em todos os cenários.

Jeová Campos anuncia alta do tratamento e agradece acolhimento da equipe do Hospital Napoleão Laureano

Posted on

 

 

“Recebi essa grande notícia ontem (20) e quero partilhar com os paraibanos que recebi alta de meu tratamento contra uma deformação celular na laringe, que atingia minha corda vocal e comprometia minha voz e, neste momento, de muita alegria quero agradecer a equipe do Hospital Napoleão Laureano pela acolhida e tratamento”, Disse hoje (21), o deputado estadual Jeová Campos (PSB), ao anunciar sua cura, durante sessão na ALPB.

O parlamentar que encerrou o ciclo de 34 sessões de radioterapia, no final de junho, recebeu alta após se submeter a exames que identificaram o sucesso do tratamento, que foi acompanhamento pela médica, Ana Carolina Rocha de Ataíde. A voz do parlamentar ainda está comprometida por causa dos efeitos da radioterapia, por isso, ele fará sessões de fonoaudiologia até plena recuperação da voz.

Segundo Jeová, que conseguiu conciliar suas atividades na ALPB e sua agenda política com o tratamento médico sem precisar tirar licença médica, o apoio e acolhimento que recebeu da equipe do Laureano e a experiência que viveu durante o tratamento vai ficar em sua memória. “Foram dias difíceis, mas, de muito aprendizado e amadurecimento espiritual. Estou muito feliz de ter conseguido superar essa adversidade e quero de público agradecer a todos que se solidarizaram comigo nesta jornada. Posso dizer que saio deste processo ainda mais consciente do papel e missão que tenho por aqui. Isso fortaleceu a minha fé e me fez ver a vida com olhos ainda mais humanizados”, disse o parlamentar.

O esquema de tratamento radioterápico a que foi submetido o parlamentar consistiu em aplicações, sendo cinco sessões por semana, durante dois meses. As sessões aconteciam nas primeiras horas da manhã e duravam, cada uma, cerca de cinco minutos. “Sempre estive confiante no tratamento, até porque tive a benção de identificar a doença em seu estágio inicial, enfim, enfrentei mais esse desafio em minha vida e o encarei com altivez, com a certeza de que eu faria a minha parte para encontrar a cura e ser merecedor dela”, finalizou Jeová.

Deputado Jeová Campos repudia atitude procrastinatória e de afronta à Constituição de Fachin que arquiva pedido de liberdade de Lula

Posted on

“Essa é uma ação orquestrada, com endereço certo e interesse de manter Lula na
prisão. Isso é merecedor de repúdio. Conclamamos, através de nosso mandato, que os
ministros da 2ª Turma do STF revejam essa decisão e coloquem, ainda hoje em pauta, o
pedido de suspensão dos efeitos da condenação contra Lula”, afirmou hoje (26), o
deputado estadual Jeová Campos (PSB). O parlamentar se refere a rápida e inusitada
decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, de arquivar um
recurso que pedia a liberdade do ex-presidente Lula, menos de uma hora após o
Tribunal Regional Federal da 4ª Região decidir sobre os recursos do processo.
E não foi apenas o deputado paraibano que se posicionou perplexo com a
decisão. Um grupo de 236 juristas assinaram uma carta ‘em defesa da presunção da
inocência e contra atos que fragilizam a Constituição Federal’ que será encaminhada a
cada um dos 11 ministros do STF. No documento, os juristas destacam que ‘diante da
recente e inusitada determinação ex-officio do ministro Fachin, de cancelar o
julgamento, pela 2ª turma, do pedido de liberdade de Lula, repudiam as manobras de
prazos e procedimentos que adiem, decisão sobre o direito de liberdade e as garantias
fundamentais que afetam não apenas o réu do caso concreto, mas a vida de milhares de
encarcerados no Brasil’
Na opinião do deputado, que é também advogado por formação, Fachin agiu
coordenado pelos integrantes do grupo jurídico de Curitiba. “Lá em Curitiba negaram o
Recurso Extraordinário ao Supremo para, menos de uma hora depois, Fachin, na sede
do STF, em Brasília, arquivar o pedido de suspensão dos efeitos da condenação. Ora
cabe recurso de agravo para o próprio Supremo para receber o RE, por isso, fica claro
que a questão é manter Lula preso, e o pior disso tudo é constatar que nessa parte do
Golpe, o STF se assemelha a histórica decisão que negou o Habeas Corpus de Olga
Benário, para entregá-la aos nazistas para ser assassinada nas câmaras de gás”, afirma
Jeová.
Ainda segundo o parlamentar, esse caso vai muito além da liberdade de Lula.
“Trata-se aqui da suprema corte dizer sim ou não a uma garantia constitucional de
liberdade, prevista na Constituição Federal como cláusula pétrea”, reitera Jeová.

Deputado Jeová Campos critica decisão de Fachin de arquivar pedido de liberdade de Lula

Deputado Jeová Campos critica decisão de Fachin de arquivar pedido de liberdade de Lula

Ministro da Agricultura afirma que não há previsão de mudança na taxação sobre importação de álcool dos EUA

Posted on

“Não há previsão de reversão da taxa sobre importação do álcool importado dos Estados Unidos para estes dois anos”, disse ontem (31), o ministro da Agricultura Blairo Maggi, durante audiência com o secretário de Agropecuária e da Pesca do Governo da Paraíba, Rômulo Montenegro, e com o deputado federal, Efraim Filho. A afirmação do ministro foi comemorada pelo setor sucroenergético que viveu momentos de tensão nos últimos tempos devido a uma fala anterior do ministro sobre uma possível mudança na alíquota de 20%, atualmente, cobrada sobre o etano importado dos EUA.

Para o presidente da União Nordestina dos Produtores de Cana (Unida) e da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), José Inácio de Morais, a afirmação do ministro traz um alívio imediato para o mercado interno. “Mesmo com a taxação de 20% ainda há um desequilíbrio entre quem importa e quem produz etanol no Brasil por conta de uma série de exigências que recaem unicamente na indústria nacional, imagina se essa alíquota fosse reduzida ou mesmo retirada, seria uma deslealdade com quem produz no Brasil, de forma que essa notícia trouxe alivio para todo o setor”, destaca o dirigente canavieiro que, essa semana, reuniu a bancada federal paraibana para debater o assunto, na Asplan, em João Pessoa.

“Saímos da reunião aliviados”, disse o secretário de Agropecuária e da Pesca do Governo da Paraíba, Rômulo Montenegro. Para o deputado federal Efraim Filho, que também participou dos debates na Asplan, a manutenção da taxação do etanol importado, demonstra o compromisso do governo federal com o setor produtivo e industrial do país. “O ministro não apenas nos garantiu que não vai mexer na alíquota, como disse que vai requerer que a empresa importadora mantenha o estoque mínimo em 25% de sua capacidade de armazenamento, como já é obrigada a fazer a indústria nacional”, destacou Efraim.

José Inácio lembra que a retirada da alíquota e o tratamento desigual com o produtor nacional de etanol em relação a exigência de estoque mínimo é o mesmo que submeter o setor a falência iminente. “É necessário não apenas manter a alíquota, mas também exigir dos importadores que obedeçam as mesma regras impostas às indústrias nacionais para que haja um equilíbrio tão salutar em uma economia de mercado”, finalizou o presidente da Unida e da Asplan.

Reformulação da composição do Conselho de Proteção do Meio Ambiente do Estado é debatida durante reunião na Sudema

Posted on

 A atual composição do Conselho de Proteção do Meio Ambiente do Estado – COPAM não permite uma maior diversidade quanto à participação, não só de outros segmentos da sociedade civil, como também de representantes de órgãos importantes do Governo. Com o objetivo de discutir a reformulação da composição do COPAM e definir o que é necessário para que isso aconteça, o Superintendente da SUDEMA, João Vicente, se reuniu hoje (25), pela manhã, na sede do órgão, com integrantes do Conselho, técnicos e convidados. O deputado estadual Jeová Campos, presidente da Comissão de Desenvolvimento, Turismo e Meio Ambiente da ALPB, foi representado na reunião pela assessora jurídica de seu gabinete. Dra. Maria Izabel Pontes. O parlamentar estava no interior do estado e não pôde chegar em tempo de participar.

            “Fizemos uma pesquisa de como os Conselhos de Meio Ambiente de outros Estados estão compostos e constatamos que todos são semelhantes e nenhum se aproxima do formato do da Paraíba, o que nos convenceu da necessidade de atualizarmos a composição do nosso COPAM e essa reunião é um primeiro passo neste sentido”, afirma o  Superintendente da SUDEMA, João Vicente.

            O deputado Jeová Campos acha importante a atualização da composição do COPAM e já colocou seu gabinete à disposição para contribuir  neste sentido. “Ora, não se pode conceber que, por exemplo, a Assembleia Legislativa, um poder importante e influente no Estado não tenha acento no Conselho. Isso é apenas um exemplo de como essa reformulação é oportuna e necessária”, destaca Jeová, lembrando que para alterar a composição do Conselho será necessário mudar o texto referente à matéria na Constituição Estadual, daí ter que obedecer todo o rito necessário para tal reformulação.

            Da reunião de hoje foi deliberado à formação de uma comissão com integrantes de segmentos da sociedade que pleiteiam vaga no Conselho que junto com técnicos da SUDEMA debaterão uma proposta de nova composição. Ficou acertado que essa próxima reunião acontecerá, em data a ser definida, no gabinete do deputado Jeová Campos, na ALPB.

            Além dos representantes da Associação Nacional dos Órgãos Municipais de Meio Ambiente – Seccional Paraíba (ANAMMAPB), presidente Walber Farias, e secretária executiva, Wellintânia Freitas, participaram da reunião representantes do Comitê de Bacias da PB, do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU), além da ALPB, através da Comissão de Desenvolvimento, Turismo e Meio Ambiente.

Politicamente correto. O mimimi na publicidade.

Posted on

Hoje se fala muito no politicamente correto e em como isso afeta a publicidade. Num mundo em que as bandeiras das lutas sociais estão ao alcance de todos, ficou realmente difícil fazer propaganda?

Pode se pensar que está mais complicado, mas o problema não é o fato de não se poder fazer piada, mas sim a sensatez. A questão é que, diferente de há alguns anos, a publicidade é uma via de mão dupla. Antes o anunciante falava e o público absorvia o conteúdo. Hoje, o público não só absorve, mas comenta e compartilha. Isso pode ser bom ou ruim para a marca, dependendo do conteúdo do anúncio. A mentalidade das pessoas está mudando e o anunciante deve acompanhar essa mudança.

A campanha da Itaipava, por exemplo, foi muito questionada por seu forte apelo machista e foco na questão da mulher objeto. Bem, no vai e vem do verão, a Heineken mostrou como pode se vender uma cerveja com inteligência.

O politicamente correto não é algo que veio para dificultar a vida do publicitário. Ele existe para fazer a sociedade evoluir. Isso é muito bom, pois ao sair do nosso lugar comum e explorar novos caminhos, aumentamos o potencial do nosso trabalho e a publicidade cumpre o seu papel de ser um canal transformador

Onde é o melhor lugar para anunciar?

Posted on

Essa é uma pergunta muito complexa para ser respondida em um simples artigo, pois cada caso é um caso.  Em vez de perguntar isso ao seu questionamento deveria ser outro: Como eu posso impactar o meu público? É muito frequente o cliente vir até uma agência preocupado com o veículo quando, na verdade, a importância está no seu target. E aí está o papel de toda a parte analítica do marketing. O nome do custo de veiculação não se chama investimento de mídia à toa, ele é elevado por dar retorno. Mas, para dar retorno, é preciso ser assertivo.

 

target

 

Imagine um material voltado para o público jovem, mas que está anunciando em um jornal na área de economia. Tem alguma coisa errada aí. Por que não usar o investimento de mídia utilizado, nesse caso,  em redes sociais por exemplo? Isso é algo que parece ser simples, mas à medida que vamos refinando as necessidades pode se tornar bem complexo, e fazer toda a diferença no orçamento de uma campanha publicitária. Uma mesma verba pode apresentar resultados absurdamente diferentes. Mas, focando no público que queremos atingir, não necessariamente precisamos de uma verba astronômica, ou mesmo de uma veiculação na Televisão. Precisamos definir nossa mensagem, para quem estamos falando, qual o nosso objetivo, etc.

 

iphone6

 

Um ótimo exemplo disso chama-se Apple, a toda poderosa empresa do iphone e do ipad, que é uma das marcas mais desejadas de todos, só veio anunciar em televisão no Brasil a partir de 2015. Todo o seu investimento de mídia no Brasil, desde o lançamento do Iphone até o Iphone 5, foi através de mídia especializada e internet. Lógico que ter um produto altamente revolucionário e um líder como Steve Jobs ajudou muito, mas em termos de investimento de mídia, eles gastaram muito pouco, principalmente se levarmos em conta o valor dos produtos da Apple. O que torna sua estratégia tão eficaz? O foco no cliente e um correto direcionamento de mídia.

Portanto, na hora de anunciar, não pense que é custo, mas, sim  investimento, que lhe trará um excelente retorno, sob vários aspectos! Venha conversar com a gente.

2016 e a nova forma de fazer campanha política

Posted on

A política brasileira está passando por um momento bem delicado em sua história. Denúncias de corrupção, impeachment, operações e tudo mais, somada a histórica e crescente descrença nos agentes públicos, gera um novo desafio para quem deseja se candidatar a algum cargo público nas próximas eleições. Neste cenário, o TRE lançou uma série de novas regras para a campanha deste ano, entre as quais, a que mais traz impacto é o prazo da campanha, com apenas 45 dias ao invés dos habituais três meses, além do fato de não ser mais possível investimento empresarial, apenas doações de pessoas físicas e verbas dos partidos políticos. Mas, o que isso representa de fato? A NEWS fez um síntese deste assunto para você ficar em sintonia com as novas resoluções eleitorais.

1. MENOS MÍDIA DE MASSA E MAIS INTERNET
Com a diminuição da verba, será notório a diminuição em anúncios de TV e Rádio, devido ao custo da inserção de veiculação nesses canais. Por outro lado, teremos um aumento do esforço dos candidatos para trazer o eleitorado para suas redes sociais, fazendo assim com que ele acompanhe sua agenda. Essa estratégia pode ser bem mais eficaz, visto que o fato de acompanharmos toda a trajetória do candidato em nosso feed de notícias irá proporcionar um relacionamento muito maior junto aos eleitores.

2. CONTEÚDO

Essa trajetória porém precisa ser muito mais específica, trabalhada dentro do contexto certo, para que o eleitor possa ver as qualidades do candidato, e não o veja apenas como mais um que quer o seu voto. Sua história, suas propostas, seu comprometimento devem estar expostos no material de campanha. As pessoas estão conectadas a internet 24 horas através dos smartphones, então, qual é o melhor momento que ela vai entrar em contato com o seu conteúdo, ou melhor ainda, qual o conteúdo que você irá propor a eleitor?

3. PLANEJAMENTO, ESTRATÉGIA E ANÁLISE

O tempo é muito curto e não pode haver desperdício. São apenas 45 dias para construir sua imagem e divulgar suas propostas. É preciso muita precisão, desde a relevância do conteúdo até o horário das postagens. Otimização é a palavra-chave! Profissionalismo é fundamental!

É chegada a hora reinventar-se e nós, da NEWS estamos à sua disposição!

Redes Sociais

Posted on

As redes sociais dominaram o mundo cada vez mais. É praticamente impossível viver conectado como hoje sem estar presente ao menos em uma rede social. No marketing essa mudança de comportamento causou um impacto monstruoso, pois quem antes era passivo passou a ser extremamente ativo, e as marcas muitas vezes não sabem como se comportar nesse ambiente extremamente propício para o crescimento, mas ao mesmo potencialmente hostil.

 

Como atrair consumidores e agregar valor à marca com as redes sociais?

Para trabalhar com redes sociais é preciso ter planejamento antes de qualquer coisa, uma marca deve ter uma identidade, e a rede social deve seguir essa identidade. Tanto estética quanto comportamental. Se uma empresa tem uma comunicação voltada para família, qual a credibilidade que ela irá transmitir se o seu perfil for falando sobre farras e baladas?

Outro aspecto importante é o monitoramento das informações. Qual a relevância de sua presença na rede social para o público? Isso pode ser medido e deve se ter muito cuidadecom essas informações para saber como construir uma marca.

Mantendo o foco no valor real da rede social

É muito comum as empresas desejarem entrar nas redes sociais por ser uma forma barata de anunciar, e confundir relacionamento com canal de vendas. É preciso ter em mente qual o real interesse do público em ter esse contato com a marca, porque já diria o ditado, tudo demais é veneno.

O melhor jeito de usar as redes sociais?

Não existe uma fórmula mágica, na verdade é preciso muito trabalho, definir um planejamento, criação de materiais, análise de métricas, decisão de investimentos, e revisar tudo periodicamente. Para otimizar os resultados o melhor a se fazer é contratar uma agência que irá ter condições e ferramentas de desenvolver melhor as redes sociais de uma marca.

Então, o que você éstá esperando para se conectar com a equipe da News Cmunicação?