Consuni homologa resultado da eleição na UFPB e lista tríplice agora será submetida à apreciação dos órgãos deliberativos da universidade

O Conselho Universitário (Consuni) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) aprovou nesta quarta-feira (9) o resultado da consulta eleitoral para a sucessão da reitoria, confirmando a vitória incontestável nas urnas da chapa composta pelas professoras Terezinha Domiciano e Mônica Nóbrega. Os representantes do Conselho Universitário (Consuni), Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) e do Conselho Curador darão a palavra final sobre a lista. Depois de submetida à apreciação destes órgãos deliberativos da universidade, a lista tríplice será encaminhada ao presidente Jair Bolsonaro, a quem caberá definir qual será o novo reitor da UFPB.

Para a comunidade universitária, segundo destaca o deputado estadual Jeová Campos, que é professor licenciado do Campus de Sousa, ficou comprovada a lisura do processo conduzida pela Superintendência de Tecnologia da Informação (STI) da UFPB. “Todas as denúncias de fraude mostraram-se apenas como medidas protelatórias da decisão soberana da comunidade acadêmica ou até mesmo tentativa espúria de macular o processo eleitoral para permitir mudanças na lista tríplice que irá para o Ministério da Educação (MEC)”, afirma o parlamentar paraibano.

A formação da listra tríplice, explica o deputado, tem uma última etapa antes de seguir para o MEC. “Nesta quinta-feira (10), os três conselhos superiores da UFPB definirão os nomes e a ordem. Além do Consuni, votam os conselheiros e conselheiras do Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) e do Conselho Curador, com cerca de 93 representantes”, afirma Jeová. Ele lembra que a tradição na UFPB tem sido a de respeitar a vontade da comunidade universitária e referendar os três nomes que foram votados na consulta eleitoral, sem qualquer alteração, inclusive na ordem de votação obtida por cada chapa. “Esse é o desejo da sociedade paraibana. Fiquemos vigilantes”, reitera o parlamentar e professor licenciado.

A expectativa da chapa mais votada, formada por Terezinha Domiciano (reitora) e Mônica Nóbrega (vice), é que a ordem dos mais votados na consulta à comunidade universitária seja mantida. “Se for mantida a tradição, e esperamos que isso aconteça, a ordem dos mais votados será mantida, respeitando a vontade da comunidade universitária”, destaca Terezinha Domiciano, a candidata mais votada na consulta eleitoral, da Chapa 2, que obteve a soma ponderada e normalizada de 964,518. A Chapa 1, encabeçada por Isac Medeiros, obteve soma ponderada e normalizada de 920,013. Já a Chapa 3, liderada por Valdiney Gouveia, teve soma ponderada e normalizada de 106,496. De acordo com o boletim de apuração, participaram da consulta online 2.341 docentes, 2.466 técnico-administrativos e 9.796 estudantes.

Postado em: 09/09/2020, Por : News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *