Daniel Azevedo conquista seis medalhas de ouro no Campeonato Paraibano de Natação sendo destaque em todas as provas que disputou

O nadador Daniel Azevedo participou, nestes últimos dias 14 e 15 de março, do Campeonato Paraibano de Natação, na Vila Olímpica, em João Pessoa, e ganhou nada menos que seis medalhas de Ouro, nas seis provas que disputou. Ele, que está apenas no início da temporada 2020, já alcançou grandes resultados em sua primeira competição do ano. Daniel conseguiu o Ouro nas provas dos 50 metros Peito, 50, 100 e 200 metros Costas, 200 medley e 100 Borboleta. Ele competiu na categoria Juvenil 1. Não deu para o atleta atingir os índices para ir para a seletiva brasileira com vista as Olímpiadas, mas Daniel sabe que esse é apenas o começo de uma nova temporada. “A competição foi produtiva, melhorei minha marca em várias provas, noutras mantive os meus tempos, e agora e retomar os treinos e estudo”, disse Daniel que cursa a 1ª Série do Ensino Médio no GEO Tambaú e com a apenas 15 anos tem a responsabilidade de conciliar sua vida de estudante e de atleta de nível internacional.

Como campeão dos XXV Jogos Sul-Americanos Escolares 2019, disputado no Paraguai no final do ano, Daniel esperava atingir bons índices para a Seletiva Olímpica Brasileira, que acontece em abril, no Rio de Janeiro, mas não foi desta vez. Mesmo sendo o melhor nas piscinas e ficando o segundo colocado nas provas com tempos bem distantes do seu, não foi possível principalmente por dois motivos, um relacionado ao momento do ano e outro a uma estrutura que a Vila Olímpica ainda precisa ter.

“Ele fez tempos muito bons, o que torna a competição muito importante para ele, mesmo assim. Mas, não podemos comparar o tempo que ele fez no final do ano passado, com um ano inteiro de treino intenso, com agora, início de temporada. E olha que ele já fez um ótimo trabalho”, explicou Daniele Azevedo, mãe de Daniel. Além disso, ela esclareceu que na Vila Olímpica também não existe o suporte de apoio para dar propulsão na hora da saída dos atletas, o que comprometeu o tempo de prova, invariavelmente.

Para Daniel, esse é só o início do ano, que já promete ser de quebra de recordes. “Não foi dessa vez, mas tenho uma longa jornada. Esse ano ainda tenho muitas conquistas e barreiras a serem quebradas. E a competição, tendo em vista que estamos no início da temporada e os ritmos de treinos são diferentes, já foi boa”, avaliou Daniel, frisando que vem coisa nova por aí. “Meu treinador está testando outra forma de treino. E a competição já foi produtiva. Tiveram provas que melhorei marca, outras foram mais difíceis por terem sido duas seguidas, cansativas, mas, independentemente do resultado, agora é mirar nos próximos eventos e erguer a cabeça porque essa semana já começa tudo de nova, treinos, aulas na escola, musculação…É assim, bola para frente e tentar o máximo todos os dias”, concluiu o atleta que desponta no cenário brasileiro de natação como um dos grandes nomes da atualidade.

Postado em: 16/03/2020, Por : News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *