Hospital do Bem realiza Roda de Conversas com pacientes, acompanhantes e colaboradores

O hall do Hospital do Bem, em Patos, se transformou num espaço para o debate de questões importantes, através de Rodas de Conversas, para quem tem envolvimento direto ou indireto com essa doença chamada câncer, que ainda carrega muitos estigmas e suscita dúvidas e medos. Num primeiro momento, pacientes, acompanhantes e colaboradores da unidade oncológica, que integra o Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, debateram sobre o tema ‘Valorização da Vida após o Diagnóstico’ e, em seguida, abordaram a questão da alimentação com o tema ‘Orientações de dieta para pacientes em tratamento quimioterápico’. A ação, realizada nesta terça-feira (08), faz parte de uma programação que começou a ser desenvolvida dia 02 e vai até o dia 30 deste mês, em alusão ao Outubro Rosa e também em comemoração ao primeiro ano de funcionamento da unidade oncológica no sertão.

O primeiro tema foi conduzido pela Oncologista, Dra. Nayarah Castro e parceria com a Psicóloga, Pryscilla Guedes. Elas abordaram a importância das pessoas não se deixarem abater pelo diagnóstico de câncer e encararem o tratamento com positividade. Depois foi a vez das Nutricionista, Tayana Oliveira e Kallyne, falarem e tirarem dúvidas sobre a alimentação mais adequada para quem está fazendo um tratamento contra o câncer, incluindo a quimioterapia.

A fala da psicóloga focou na necessidade de desmistificar a questão de que o diagnóstico de câncer significa uma sentença de morte. “Em muitos casos, os pacientes até começam a enxergar a vida de uma nova forma, passam a valorizar mais pequenas coisas, a família, os amigos. Há momentos de altos e baixos que são normais, mas, o importante é valorizar a vida após o diagnóstico”, disse ela, lembrando que no Hospital do Bem, os pacientes são acolhidos pela equipe como se fosse um membro da família. “Aqui nós valorizamos o olhar, o afeto e tratamos da doença, mas, também nos preocupamos com o bem estar das pessoas e ajudamos elas a resignificarem suas vidas após serem acometidas pela doença encorajando-as a fazer o tratamento e acreditar na cura”, destacou Pryscila.

“Foi uma manhã de intenso aprendizado e muita informação importante em relação à alimentação e sua influência na saúde e bem estar durante o tratamento quimioterápico, bem como, uma conversa sobre como se deve encarar a vida após o recebimento do diagnóstico de câncer e ainda sobre como nós acolhemos nossos pacientes”, resume a diretora do Complexo, Liliane Sena.

. O calendário de ações e atividades do Hospital do Bem neste mês de outubro inclui além da realização de várias rodas de conversas, mini palestras (bate papo), Happy Day, Dia de Doação de Cabelos, Dia da Maquiagem, Musicoterapia, e até sessão de cinema. Amanhã (10), às 15h, haverá um bate papo com o tema “Câncer: prevenção e diagnóstico precoce’. No dia 14, a partir das 8h, na recepção do Hospital do Bem, haverá um Happy Day, com ações surpresas.

No dia 15, às 9h, oura roda de conversa explorará o tema ‘Relação câncer x alimentação’. No dia 17, às 15h, será a vez de abordar a questão da ‘Alimentação, atividade física e saúde’, em outra Roda de Conversa. No dia 21, acontecerá o Dia da Doação de cabelos, onde cabeleireiras voluntárias estarão à disposição de quem quiser doar parte de seu cabelo. O material doado será destinado à confecção de perucas para mulheres que fazem tratamento contra o câncer.

No dia 22, a partir das 8h30, o Bate Papo recairá obre a temática da ‘Importância da equipe multidisciplinar e direitos do paciente oncológico’, enquanto que no dia 28, às 15h, o tema a ser debatido será ‘Auto estima e o enfrentamento do câncer’. O dia 30 terá atividades de musicoterapia, sessão de fotos e ainda de maquiagem para pacientes, colaboradores e acompanhantes, às 8h, e ainda outra roda de conversa sobre como enfrentar a doença e não perder a auto estima, às 10h.

O encerramento do Outubro Rosa no Hospital do Bem acontecerá no dia 30, com uma sessão de cinema, exclusiva, para colaboradores, pacientes e acompanhantes, no Guedes Shopping Center. As voluntárias da ONG ‘Amigas Viva a Vida’ também estão integradas às ações.

Postado em: 09/10/2019, Por : News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *