Projeto ‘Cinema do Bem’ leva entretenimento a pacientes e colaboradores do Hospital do Bem e humaniza internação

 Os pacientes e profissionais que atuam no Hospital do Bem em Patos terão a oportunidade de vivenciar algo muito diferente da rotina de uma unidade de saúde. Graças ao projeto ‘Cinema do Bem’, quinzenalmente, haverá projeções de filmes nas enfermarias. O lançamento do projeto, que busca humanizar o tempo de hospitalização do paciente e reduzir o estresse no ambiente hospitalar, foi feito nesta quarta-feira (20) para os colaboradores de todos os setores da unidade. O Hospital do Bem, que integra o Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, só atende casos de oncologia.

A coordenadora de Enfermagem do Hospital do Bem, Aretusa Delfino, e idealizadora do projeto, explica que a proposta do ‘Cinema do Bem’ é trabalhar as emoções, a ansiedade, a tristeza, a baixa autoestima e até a depressão, de maneira lúdica, através da projeção de filmes. “A ideia é inserir a arte como instrumento no processo curativo, porque ao projetar um filme estaremos promovendo momentos de relaxamento, calma, tranquilidade, alegria e prazer que são sensações curativas também”, destaca Aretusa.

A projeção dos filmes será feita em telão, instalado na enfermaria. O filme que estreou o projeto foi ‘Patch Adams’ que conta a história de um médico norte-americano famoso por sua metodologia inusitada no tratamento de enfermos. “Não escolhemos esse filme por acaso, pois a forma como Patch Adams tratava os pacientes tem tudo a ver com a humanização que tanto defendemos e aplicamos em nosso dia a dia”, destaca Aretusa.

Além da projeção dos filmes, cujas temáticas serão todas de motivação, o projeto prevê ainda a distribuição de pipocas e sucos, propiciando o ambiente de uma sala de projeção. A diretora geral do Complexo, Liliane Sena, elogiou a iniciativa. “Essa ideia de Aretusa é digna de elogios porque ela sai do lugar comum e mostra o quanto a equipe de colaboradores está empenhada em buscar formas de tornar diferente a rotina hospitalar, de acolher os pacientes de maneira mais humanizada”, afirmou Lili.  A próxima projeção acontece na primeira semana de abril, desta vez, para os pacientes. O projeto não é inédito e já foi realizado em várias instituições de saúde com resultados muito bons na melhoria do clima hospitalar.

Postado em: 22/03/2019, Por : News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *