Ação educativa no trânsito em Patos foi encerrada nesta quinta e já mostra resultados positivos na redução de acidentes na cidade

Em novembro, o SAMU de Patos registrou 130 ocorrências com vítimas de trânsito, numa média de 4,3 vítimas/dia lesionadas e atendidas pelo Serviço. Em dezembro, mês da realização da campanha educativa “O ano termina, mas a vida continua”, até o dia 19, o SAMU registrou 16 ocorrências, uma média inferior a um atendimento/dia. Esse saldo, que ainda precisa ser reduzido, está sendo atribuído a uma maior conscientização da população em relação a necessidade de transitar com mais precaução e cuidado, respeitando a legislação a partir da ação educativa que foi realizada entre os dias 14 e 20 deste mês, de forma conjunta, pela STTRANS, Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC), Hospital Infantil, SAMU, Corpo de Bombeiros, BPTran, Detran, PRF e Guarda Municipal.

O Complexo Hospitalar integrou essa força tarefa porque cerca de 10% dos atendimentos realizados pela unidade são provenientes de acidentes de trânsito. De janeiro a outubro deste ano, 2.704 pessoas deram entrada no hospital por causa de acidentes de trânsito. Desse total, 2.296 pacientes se envolveram em acidentes com motocicletas. No Hospital Infantil Noaldo Leite sete acidentes de carro e 33 de moto foram registrados neste período, enquanto que o SAMU foi acionado 934 vezes, até novembro, somente em ocorrências de acidentes de trânsito.

 Durante a campanha, foi feita uma audiência pública, realizada blitzen educativas em vários pontos de Patos e, nos dias 17, 18 e 19, além de uma caravana em bares com distribuição de material informativo, no último sábado (15). O encerramento da ação aconteceu nesta quinta-feira (20), com a simulação de um acidente no Centro da cidade.

A diretora do Complexo Hospitalar de Patos, Liliane Sena, destaca que a união de forças e competências dos representantes dos órgãos que participaram da ação foi decisiva para o sucesso da campanha. “Todos se envolveram nas atividades e se empenharam ao máximo para que a campanha fosse um sucesso, que se traduz também neste número de redução de ocorrências de acidentes em dezembro. O Complexo Regional deu sua contribuição neste processo se fazendo representar em todas as atividades e sempre estará disponível para participar de ações similares”, disse Liliane.

O superintendente da STTRANS e idealizador da ação, Jeferson Melquíades, avalia que a campanha foi vitoriosa. “Todos os órgãos e seus respectivos representantes vestiram a camisa da campanha e caíram em campo e a ação surtiu um efeito tremendo, principalmente, nas ações voltadas ao trânsito numa conscientização sobre a importância da prevenção. Isso é apenas o início de outros projeto cujo objetivo é buscar resultados maiores que reflitam uma mudança de comportamento”, reiterou Jeferson. Ele lembrou que as imprudências no trânsito fazem vítimas fatais rotineiramente e essa realidade precisa mudar. “É importante conscientizar as pessoas e massificar na sociedade essa ideia de sermos mais responsáveis, de respeitar mais as sinalizações porque a vida é o que está em jogo e o trânsito é feito por todos, não depende somente de uma pessoa”, lembrou o dirigente da STTRANS.

Estamos muito felizes com o sucesso da campanha, uma vez que houve uma redução nos números de acidentes de trânsito em dezembro comparado ao mês anterior e isso se deve ao engajamento de todos os órgãos de segurança do trânsito e da Saúde envolvidos na campanha. Esse trabalho não vai parar e o Hospital Infantil Noaldo Leite estará sempre à disposição para toda e qualquer campanha que venha reduzir riscos e danos à saúde da população”, destacou a diretora do Hospital Infantil Noaldo Leite, Rhyana Karla Medeiros.

Postado em: 20/12/2018, Por : News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *