Deputado vê in loco comprometimento das Comportas do açude de Engenheiro Ávidos e reitera necessidade de medidas urgentes

O deputado Jeová Campos, que essa semana fez um alerta na tribuna da ALPB, sobre as precárias condições das comportas do açude de Engenheiro Ávidos que, se precisarem ser acionadas, nas atuais condições, não vão funcionar, fez questão de ir ver in loco a situação das comportas, nesta sexta-feira (13). “O nível da água está chegando nas comportas e daqui a pouco, se for preciso abrir as comportas, elas não funcionarão porque não têm a mínima condição técnica de serem acionadas”, denunciou o parlamentar que também registrou em fotos as precárias condições do equipamento.

Jeová lembra que não é de hoje que faz alertas sobre as precárias condições das comportas do açude. “Há dois anos, desde a época da Caravana dos Bispos, já identificamos que as comportas não estão em boas condições de uso. E agora, com as chuvas naquela região e o volume de água se acumulando, ele tem tudo para precisar das comportas e as comportas não têm condições de serem acionadas, de serem movimentadas e abertas em caso de necessidade”, reiterou o parlamentar. Ele lembra que o DNOCS já tem conhecimento da situação, mas, que até agora, n~/ao se pronunciou.

Essa semana, foi aprovado um requerimento do parlamentar para que não somente o DNOCS, mas também a AESA, informem a ALPB, quais são as medidas que estão sendo adotadas em relação às comportas do açude. Os órgãos teriam 24h para responder a solicitação da ALPB. “Na segunda-feira, vou me inteirar sobre essa resposta”, disse Jeová, lembrando que essa é uma questão urgente, pois o açude, atualmente, já se encontra com quase 50 milhões de metros cúbicos e se continuar chovendo, provavelmente, até o final do mês as comportas precisem ser acionadas.

 

Postado em: 13/04/2018, Por : News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *