Asplan promove encontro para debater as variedades de cana-de-açúcar mais promissoras para Paraíba

Os produtores da cana-de-açúcar da Paraíba terão a oportunidade, na próxima terça-feira (29), de debater sobre o comportamento e o manejo de variedades mais promissoras para plantio na região. O II Encontro Técnico sobre essa temática, promovido pela Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), vai reunir especialistas da RIDESA/UFRPE, das 8h30 as 12h, no auditório da entidade, na Rua Rodrigues de Aquino, 267, Centro, em João Pessoa. O evento é direcionado aos associados da Asplan, mas, é aberto ao público interessado e a inscrição pode ser feita, de forma gratuita, antes do início do evento.

“A variedade de cana usada no plantio influencia, diretamente, na produtividade do canavial por isso a escolha do que será plantado é fundamental para uma boa produção”, explica o presidente da Asplan, Murilo Paraíso, que vai fazer a abertura do evento. Em seguida, acontecerá a primeira palestra do dia com Amaro Silva, da RIDESA/UFRPE, sobre “Principais resultados experimentais do PMGCA-RIDESA”.

O segundo tema a ser abordado, “Censo variental e indicadores da safra 2015/2016” será abordado, em seguida, pelo especialista Leonam José. “Estação de hibridação devaneio” será outro tema tratado no Encontro por Luiz José Tavares de Melo, da RIDESA/UFRPE. A programação será encerrada com uma mesa redonda sobre “Manejo de variedades e clones de cana-de-açúcar”, sob a coordenação de Djalma Euzébio, da RIDESA e com a participação de representantes das usinas paraibanas Miriri, Japungu e Monte Alegre, além da usina Estivas, esta última do Rio Grande do Norte.

O II Encontro sobre variedades de cana para Paraíba é uma ação do Departamento Técnico da Asplan (DETEC) que, periodicamente, promove eventos técnicos para ampliar conhecimentos dos produtores associados e debater assuntos de interesse dos produtores canavieiros paraibanos. O coordenador do DETEC, Vamberto Rocha, ressalta a importância destes encontros. “São debates de alto nível, com especialistas locais, regionais e até nacionais, que trazem sempre informações de interesse de nosso público e que nos ajudam a melhorar nossa cultura e produtividade”, destaca Vamberto.

Postado em: 24/11/2016, Por : News Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *