Month: julho 2016

Frente Parlamentar da Água da ALPB convoca reunião com bancada federal paraibana para debater os gargalos das obras da transposição

Posted on

Presidente da Frente, deputado estadual Jeová Campos, está convocando senadores e deputados federais, além de outras autoridades, para se unirem em prol da população

 

Após constatar vários problemas no andamento das obras da transposição durante visita técnica no último dia 22, sendo o mais grave deles o abandono da construtora Mendes Jr., responsável entre outras ações pela construção da estação elevatória 2 e 3, no Eixo Norte do projeto, o presidente da Frente Parlamentar da Água da ALPB, deputado estadual Jeová Campos, vai convocar a bancada federal da Paraíba, os deputados estaduais e outras autoridades para debater o problema e buscar soluções conjuntas. O encontro está marcado para o dia 27 de agosto, às 9h, na sede da Câmara Municipal de Cajazeiras.

“É preciso que os políticos da Paraíba se unam em prol de um assunto emergencial, grave e urgente que vai exigir da classe política um poder de articulação e mobilização eficaz”, afirma Jeová. Segundo o parlamentar, algo precisa ser feito para que o abandono da construtora Mendes Jr. não prejudique a conclusão da obra já que se trata de uma questão de sobrevivência. “Em Cajazeiras, por exemplo, nós só temos água até abril do ano que vem e contávamos com a conclusão da obra, prometida para início de 2017, para termos água e agora, com esse problema, precisamos agir e a união da classe política nesse processo é fundamental”, destaca Jeová.

A estação elevatória 2 e 3, que estava sob a responsabilidade da construtora Mendes Jr. está parada. A empresa concluiu a primeira estação, estava em fase de testes na segunda e deveria começar a montagem da terceira estação, mas abandou a obra. “Sem a conclusão destes três trechos as águas da transposição não chegarão à Paraíba”, explica Jeová. Uma das propostas que será levada para debate com os senadores e deputados federais da Paraíba e outros convidados para o encontro é o acionamento do Tribunal de Contas da União (TCU) para que autorize outra empresa, em caráter emergencial, a tocar as obras que eram de responsabilidade da Mendes Jr. “Se formos para os trâmites normais, perderemos cerca de nove meses a uma ano e não podemos esperar tanto tempo”, finaliza Jeová.

 

Asplan e UNICRED JP estudam parceria para ampliar possibilidades de crédito e serviços financeiros aos produtores da PB

Posted on

Em breve, os produtores canavieiros paraibanos poderão contar com as facilidades de acesso a crédito agrícola e outros serviços disponibilizados pela UNICRED João Pessoa. E o primeiro passo neste sentido foi dado nesta terça-feira (26), durante a primeira reunião de trabalho para formalização de uma parceria entre a Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan) e a UNICRED JP. O presidente da Asplan, Murilo Paraíso e o diretor financeiro da entidade, Oscar Gouvêa, além do diretor secretário, Pedro Jorge, se reuniram com os gerentes, Gabriel Geraldo Mesquita e Edivaldo Araújo para definir diretrizes de outros encontros que culminarão com a formalização desta parceria.

“Estamos sempre atentos a novas possibilidades de contribuir com os nossos associados, facilitando o seu dia a dia, através da disponibilização de serviços e ações e esta parceria que está sendo planejada com a UNICRED JP deve trazer muitas vantagens para o nosso público, de forma que estamos na fase preliminar de conversas, mas, de antemão asseguro que, em breve, teremos grandes e boas novidades”, adianta Oscar Gouvêa.

Para o gerente da UNICRED JP, Gabriel Geraldo Mesquita, o primeiro contato com a direção da Asplan foi muito positivo. “Não temos um produto específico para a classe canavieira, mas vislumbramos, a partir deste primeiro contato, que poderemos desenvolver projetos, inclusive no âmbito do crédito agrícola, que trarão vantagens para os associados da Asplan. Sem dúvida, essa parceria que começou a ser planejada agora trará benefícios para ambas as partes”, disse Gabriel, lembrando que a UNICRED JP é, atualmente, a maior cooperativa do Norte/Nordeste.

Sobre a UNICRED João Pessoa

Ela é uma Cooperativa de Crédito de Livre Admissão de Cooperados, com referência em atendimento personalizado, cuja missão é disponibilizar orientação, produtos e serviços econômico-financeiros. A Cooperativa está voltada para oferecer soluções financeiras, prestar diversos serviços financeiros e viabilizar os projetos sociais e econômicos dos seus cooperados. Com sede social em João Pessoa, sua área de ação estende-se também a todos os municípios do litoral além de alguns municípios do brejo, atingindo a região de Guarabira.

Maternidade de Patos integra programação da Semana Mundial de Aleitamento Materno

Posted on

A Maternidade Dr. Peregrino Filho, de Patos, já definiu a sua programação dentro da 25ª Semana Mundial de Aleitamento Materno, que está sendo promovida pelo Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES). Este ano, o tema do projeto da Maternidade, que integra a rede estadual de saúde, é  “Presente saudável, futuro sustentável” e incluirá atividades educativas e culturais, entre os dias 1 e 4 de agosto, em Patos, São José do Sabugi e em João Pessoa. O objetivo da ação é estimular a doação de leite materno.

A abertura da Semana em Patos acontece na segunda-feira (1º) com a realização de uma panfletagem, na Praça Getúlio Vargas, no Centro, das 9h as 10h30. Na terça-feira, a programação acontecerá no Centro Educacional Dr. Mauro Medeiros, em São José do Sabugi, com a palestra ‘Amamentação e seus benefícios’, feita pela bioquímica do Banco de Leite de Patos, Faldrecya Borges, das 9h às 11h.

Na quarta-feira, a programação acontece em dois horários. Pela manhã, às 9h,  na sede do  Banco de Leite Drª Vilani Kehrle, será oferecido um café da manhã, em homenagem às mães doadoras e recebedoras. À tarde, haverá uma palestra para gestantes, no CRAS de Patos, das 14h às 16h, com o tema ‘Os 10 passos para o sucesso do aleitamento e doação do leite humano’. A abordagem será feita pela nutricionista, Silvana Oliveira e a bioquímica, Faldrecya Borges. Em seguida, haverá uma apresentação do grupo teatral ‘Mãe Leoa’, com a peça ‘As inimigas do peito’.

Na quinta-feira, a programação da Semana será realizada em João Pessoa, durante todo o dia, no auditório da Maternidade Frei Damião, onde será realizada reuniões com representantes das salas de apoio a mulher trabalhadora que amamenta, das 13h às 14h, além do curso em atualização em Segurança Alimentar e Nutricional do Uso do Leite Humano em unidades neonatais e setor de porcionamento, das 14h às 17h. A coordenadora do Banco de Leite de Patos, Joana Sabino, a nutricionista Silvana Oliveira e  a enfermeira do porcionamento, Amanda Bento participarão das atividades na capital paraibana.

Sobre o evento

A Semana Mundial de Aleitamento Materno foi criada pela Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (Waba, do nome em inglês) e acontece em 170 países, com a meta de aumentar os índices de aleitamento materno. Na Paraíba existe uma rede formada por seis bancos de leite: Anita Cabral e Dra Zilda Arns, em João Pessoa; Merijane Claudino da Silva, em Guarabira; Banco de Leite do ISEA, em Campina Grande; Banco de Leite Humano de Cajazeiras e o Banco de Leite Drª Vilani Kehrle, que funciona num prédio anexo a Maternidade Dr. Peregrino Filho, em Patos. Além disso, há postos de coleta de leite humano distribuídos em várias cidades do estado, a exemplo de João Pessoa, Santa Rita, Guarabira, Solânea, Itabaiana, Campina Grande, Santa Luzia, Bonito de Santa Fé, Sousa e Taperoá.

Para doar

Para ser doadora de leite humano, basta a mulher estar amamentando, ser saudável e ter produção maior que a necessidade do seu bebê. Para doar, é só procurar uma das unidades distribuídas na Paraíba. Os contatos de toda rede, com postos e bancos de coleta, estão no site do Governo do Estado, no link  http://static.paraiba.pb.gov.br/2013/09/Rede-Paraibana-de-Bancos-de-Leite.pdf

Eleições não devem atrapalhar os trabalhos da ALPB afirma Artur Filho

Posted on

A retomada dos trabalhos da ALPB, previsto para o próximo dia 1º,  é aguardada com expectativa pelo deputado estadual Artur Filho que ocupa, pela terceira vez, uma das 36 vagas da ALPB, na atual legislatura. Eleito vereador por Cabedelo, ele assumiu o mandato na condição de segundo suplente da coligação (o primeiro é Hervázio Bezerra), primeiro com a licença de Jeová Campos, depois de João Henrique, e agora, na vaga de Ricardo Barbosa. Integrante da base de apoio ao governador Ricardo Coutinho, Artur Filho acredita que o processo eleitoral não vai interferir, nem atrapalhar os trabalhos da ALPB.

“O tempo de campanha será curto, de apenas 45 dias e mesmo assim, com esforço concentrado, dará para conciliar as atividades parlamentares com as da campanha sem prejuízo para nenhuma delas”, acredita Artur, que pretende na volta dos trabalhos legislativos, retomar questões importantes de sua atuação na ALPB, a exemplo do PL que institui uma política estadual para o setor de turismo, dos requerimentos que tornam obrigatório a contratação de enfermeiros para as escolas públicas da Paraíba e a inclusão da disciplina de Libras, da instalação de uma escola técnica em Cabedelo, entre outras propostas de sua autoria.

Nas duas vezes anteriores que assumiu um mandato na ALPB, Artur Filho, não comportou-se como mero suplente e afirma que sua conduta continuará sendo pró-ativa, com proposições que engrandeçam a Paraíba e seu povo. “Nunca me comportei como um deputado coadjuvante, a condição de suplente não me inibe, ao contrário, me estimula e a partir do dia 1º não será diferente”, destaca Artur que fala com a autoridade de quem teve votação expressiva para o mandato, ou seja,  19.180 votos nas eleições para deputado estadual, quantidade maior até que alguns parlamentares eleitos. Ele não conseguiu a titularidade do mandato por causa do coeficiente eleitoral de sua coligação a ‘Força do Trabalho’, composta pelos partidos PSB, DEM, PDT, PRP e o PRTB.

Santa Maria homenageia operadores com café da manhã e ceia especial

Posted on

Operadores da empresa de ônibus foram homenageados pelo Dia

do Motorista com ações na garagem antes e após jornada de trabalho

 

O Dia do Motorista foi comemorado na garagem da empresa de ônibus Santa Maria em dois momentos. Quem estava na escala para começar a jornada no primeiro turno, participou de um café da manhã, que foi servido das 3h30 até às 6h30, nesta segunda-feira (25). E quem estava na  escala da tarde/noite, terminou sua jornada participando de uma ceia que foi  servida entre às 20h e 23h. Os dois momentos aconteceram na garagem da empresa, no Distrito Industrial, e foram partilhados por motoristas, fiscais, despachantes e cobradores.

“É uma satisfação reunir os operadores para comemorar uma data tão especial para a categoria e poder reafirmar, nestes momentos, que os profissionais da operação, que trabalham diretamente com os nossos passageiros, são muito importantes para nós. Quero parabenizá-los não apenas pela data, mas, agradecer pela conduta, comportamento e profissionalismo com que todos desempenham suas atividades no dia a dia”, afirma a diretora da Santa Maria, Larissa Nascimento.

A psicóloga da empresa, Tayane Rodrigues, explica que as homenagens aconteceram em dois momentos para poder contemplar todos os profissionais. “Tradicionalmente, nós homenageamos nossos colaboradores com um café da manhã. Este ano, além do café da manhã, decidimos recepcionar nossos pofissionais também à noite, com uma ceia especial porque, desta forma, atingiríamos a totalidade do grupo e fopi o que aconteceu”, explica Tayane.

E os profissionais elogiaram a iniciativa da empresa, tanto na realização da homenagem, quanto na ampliação do evento que teve ainda música ao vivo, distribuição de brindes, participação do SEST/SENAT, além de boas conversas e reencontro de colegas de trabalho.

 

 

Profissionais da Unitrans são homenageados em comemoração ao Dia do Motorista

Posted on

Operadores da empresa de ônibus terminaram e iniciaram sua jornada de trabalho

de forma diferente com uma ceia à noite e um café da manhã de madrugada

 

Este ano, as homenagens da Unitrans aos seus operadores, em comemoração ao Dia do Motorista, aconteceram em dois momentos. Quem trabalhou durante o dia, nesta segunda-feira (25) e encerrou sua jornada à noite, ao chegar na garagem pôde recarregar as energias com uma ceia e conversar descontraidamente com os colegas. Já quem estava escalado para o trabalho no início do dia desta terça-feira (26) pôde começar sua jornada bem mais disposto, após tomar um reforçado café da manhã que foi servido das 4h até por volta das seis hopras. A homanegem não se restringiu aos motoristas. Cobradores, fiscais e despachantes também participaram da comemoração já que trabalham juntos na operação das linhas. Cerca de 1.200 operadores participaram da comemoração.

Além da ceia e do café da manhã, os profissionais receberam de brinde um boné e uma medalhinha de São Cristovão, santo protetor dos motoristas. A comemoração, que já é tradição na empresa, aconteceu em um dos galpões da garagem da Unitrans, em Água Fria. O cardápio, que podia ser degustado à vontade, incluia iguarias preparadas pelo buffet HBF, tais como, cuscuz, ovos mechidos, salsicha ao molho, sanduiche de queijo com presunto, bolos, biscoitos, pães de queijo, sucos, salgados, achocolatado e café com leite. O motorista e cantor nas horas vagas, Fernando Araújo, animou o ambiente com um repertório bem eclético com forró, sertanejo, pop rock e clássicos da MPB.

A celebração deste ano reforçou o espírito  de equipe e união que deve prevalecer entre motoristas, cobradores e fiscais e contemplou mais operadores que os anos anteriores. De acordo com a psicologa Socorro Aragão, a proposta de homenagear os profissionais, em dois momentos distintos, para que mais funcionários pudessem participar, foi uma reivindicação dos próprios operadores. “Eles sugeriram a realização destes dois momentos e a direção da empresa achou justo o pedido e nos autorizou a ampliar as homenagens”, explica Socorro.

O motorista Joseilton da Silva, mais conhecido como ‘Vandame’, que opera a linha 102, elogiou a sensibilidade da direção da empresa em não apenas realizar a homenagem mas contemplar mais profissionais. “Estou muito satisfeito com a empresa que nos valoriza, não apenas nesta homenagem, mas no dia a dia, nos dando condições digna de trabalho, treinamentos, pagando os salários em dia, nos respeitando e dando oportunidades de crescimento. Ao fazer dois eventos, a diretoria mostra a sua sensibilidade”, disse ele que entrou na Unitrans como manobreiro e aproveitou uma chance para atuar como motorista.

Hamilton da Silva Félix, da linha 204, mais conhecido como ‘Bigodinho’, sempre sonhou em ser motorista. Ainda criança, brincava com uma direção velha e um pedaço de pau, simulando estar num ônibus, em viagens imaginárias. Aos 39 anos, ele se diz realizado. “Além de conquistar a profissão que sempre quis, tenho a oportunidade de trabalhar numa empresa séria, que valoriza seus profissionais, e fazer o que mais gosto. Ao pegar no volante de meu veículo, o 07203, e parar 168 vezes em cada trajeto da linha, o faço com o maior prazer, tratando os passageiros com cordialidade, educação e cuidado, até mesmo àqueles que não nos tratam bem no dia a dia, mas estes são minoria, felizmente, porque além de gostar do que faço, tenho consciência da importância e da grande responsabilidade de minha profissão”, disse ‘Bigodinho’ que só trabalha com um chapéu de couro, em homenagem à sua origem nordestina.

O SEST/SENAT também prestigiou o evento com a distribuição de panfletos sobre as capacitações direcionadas aos operadores do transporte público. A valorização do profissional, segundo o diretor da Unitrans, Alberto Pereira, que prestigiou a homenagem na noite da segunda-feira, sempre foi o principal objetivo do evento, realizado todos os anos, no dia 25 de Julho. “Sabemos da importância do trabalho destes profissionais e da responsabilidade que tem um motorista e de todos os profissionais envolvidos na operação, por isso, realizamos esse momento especial para lembrar aos nossos operadores o quanto eles são importantes no nosso dia a dia e nada mais justo do que comemorar a data no Dia do Motorista e, a partir deste ano, em dois momentos para que mais funcionários possam participar”, finaliza Alberto.

Há obras prontas, inacabadas, em andamento e que nem iniciaram constata Frente Parlamentar da Água durante visita aos canteiros da transposição

Posted on

Presidente da Frente Parlamentar da Água, deputado estadual Jeová Campos,

visitou obras do Eixo Norte da Transposição na última sexta-feira (22)

 

O relatório que será produzido a partir das constatações da Frente Parlamentar da Água da ALPB após a visita realizada na última sexta-feira (22) às obras do Eixo Norte da transposição do Rio São Francisco trará a síntese do que foi visto durante o percurso que começou por Cabrobó (PE) e terminou por volta das 19h, na barragem Boa Vista, em São José de Piranhas (PB). Acompanhado por um grupo de profissionais da Imprensa cajazeirense, o deputado estadual e presidente da Frente, Jeová Campos, se alegrou em alguns trechos, se deslumbrou noutros e ficou extremamente preocupado com o abandono da obra pela construtora Mendes Jr. O relatório será apresentado no retorno dos trabalhos da ALPB e servirá de subsidio para cobrar das autoridades competentes as devidas soluções.

Na Estação de Bombeamento Número 1, em Cabrobó, primeiro local de visita, o deputado e comitiva constataram a magnitude da obra que já está pronta, com água no canal e puderam verificar as enormes  bombas funcionando. “Ao ver isso tudo, o coração se enche de esperança, os olhos enxergam um futuro com água em abundância e a gente respira aliviado porque sente que o futuro será mais promissor”, destaca o parlamentar, que desde criança convive com as agruras e problemas provocados pela estiagem e a falta de água no sertão paraibano.

De Cabrobó, a comitiva seguiu para a barragem de Tucutu, percorreu as margens do canal com água e constatou que naquele trecho a obra está praticamente concluída.  De lá foram até a barragem de Terra Nova, que também já está com água. Salgueiro foi o próximo destino, depois Jati, onde a barragem gigantesca já está concluída e, em seguida, foram para Brejo dos Santos, onde conheceram a barragem de Canabrava, uma obra gigantesca. De lá foram para São José de Piranhas, ver como está a barragem Boa Vista, onde foi finalizada as visitas por volta das 19h.

De todos os locais visitados, o mais preocupante é o trecho entre Salgueiro e Jati que tem obra abandonada. A estação elevatória 2 e 3, que estava sob a responsabilidade da construtora Mendes Jr. está parada. A empresa concluiu a primeira estação, estava em fase de testes na segunda e deveria começar a montagem da terceira estação, mas abandou a obra, o que segundo Jeová, é gravíssimo, pois sem a conclusão destes três trechos as águas da transposição não chegarão à Paraíba. “Sem a conclusão das três estações, as águas não chegarão a Cajazeiras, por exemplo. O caso é grave e requer uma solução imediata, pois Cajazeiras só tem água até abril e estávamos contando com a conclusão das obras da transposição para resolver esse problema antes da cidade entrar em colapso total”, destaca Jeová, conclamando as bancadas federais da Paraíba no Senado e na Câmara para se unirem em prol desta questão.

A construtora Mendes Jr. abandonou a obra na última sexta-feira
A construtora Mendes Jr. abandonou a obra na última sexta-feira
Há muitos trechos que precisam ser concluídos
Há muitos trechos que precisam ser concluídos
No Eixo Norte já há vários canais com água
No Eixo Norte já há vários canais com água
Vários canais já estão cheios
Vários canais já estão cheios
As obras da transposição estão concluidas em vários trechos do Eixo Norte
As obras da transposição estão concluidas em vários trechos do Eixo Norte
Deputado Jeová Campos é o presidente da Frente Parlamentar da Água da ALPB
Deputado Jeová Campos é o presidente da Frente Parlamentar da Água da ALPB

Mendes Jr. abandona obra e conclusão do projeto da transposição do Rio São Francisco no Eixo Norte fica seriamente comprometida

Posted on

Constatação do abandono foi feita pelo presidente da Frente Parlamentar da Água, deputado estadual Jeová Campos, durante visita aos lotes 3,4 e 8 do Eixo Norte

 

O abandono da obra do projeto da Transposição pela construtora Mendes Jr. , responsável pelo lotes 3, 4 e 8 do projeto, no trecho compreendido entre Terra Nova, Salgueiro e Jati, pode comprometer a conclusão da obra caso não haja uma solução imediata para o problema. Alegando dificuldades financeiras, a construtora responsável pelas três estações de bombeamento elevatórias parou os serviços na última sexta-feira (22). Essa constatação foi feita pelo presidente da Frente Parlamentar da Água da ALPB, deputado Jeová Campos durante uma visita às obras do projeto de transposição no Eixo Norte, também na sexta-feira (22). Jornalistas e radialistas de Cajazeiras e cidades vizinhas também participaram da visita.

De acordo com o parlamentar, das três estações que deveriam ser construídas pela Mendes Jr., a primeira já está pronta com 40 km de canal que já estão com água, a segunda, já estava em fase de testes, mas a terceira sequer começou a fase de montagem. “Foi estarrecedor constatar que a construtora simplesmente abandonou a obra e que agora os esforços de mobilização para conclusão das obras, que deveriam ser entregues no começo de 2017, agora serão direcionados para tentar resolver essa questão que é emergencial, urgente e inadiável”, afirma Jeová. Ele lembra que se as obras não forem concluídas no tempo acordado, Cajazeiras e várias cidades da PB, PE e RN simplesmente não terão água nem para consumo humano a partir de abril do próximo ano. “Ou chove em abundância até lá, o que é pouco provável, ou chegam às águas da transposição, do contrário será um caos total. O colapso no abastecimento é iminente”, alerta o parlamentar.

Na opinião de Jeová, que hoje (25), às 19h, na sede do CDL, em Cajazeiras, promove um debate sobre o assunto. É preciso que as bancadas tanto do Senado, como da Câmara do RN, PE, PB e CE se unam e acionem o Tribunal de Conta da União (TCU) para uma solução imediata do problema. “Pelos trâmites normais, o governo federal teria que fazer nova licitação para contratação de outra construtora para dar andamento às obras, acontece que não temos tempo para esperar por isso, pois esse processo demoraria, pelo menos, de nove meses a um ano, e nós não podemos esperar tanto tempo assim, porque quem tem sede, tem pressa, trata-se de salvaguardar vidas, cidades, uma multidão de gente que depende desta obra para ter água para viver”, desabafa Jeová.

Neste caso, segundo o parlamentar, a celeridade necessária para contratação de outra empresa pode ser dada pelo TCU, dada a gravidade da situação. “Não se trata de falta de recursos. Eles existem e estão assegurados. O que aconteceu com a Mendes Jr. é um caso especifico de perda de capacidade financeira e nós, nordestinos, não podemos ficar de braços cruzados diante da gravidade desta situação que exige respostas e soluções urgentes e que só podem ser dadas com o aval do TCU”, disse Jeová.

 

A construtora Mendes Jr. abandonou a obra na última sexta-feira
A construtora Mendes Jr. abandonou a obra na última sexta-feira
Deputado Jeová Campos observa a primeirta estação elevatória que já tem 40 km com água
Deputado Jeová Campos observa a primeirta estação elevatória que já tem 40 km com água
Um dos canais já está com água
Um dos canais já está com água

Profissionais da Unitrans e Santa Maria serão homenageados com café da manhã e ceia especial

Posted on

 

Operadores das empresas de ônibus de João Pessoa serão homenageados

 pelo Dia do Motorista, comemorado nacionalmente em 25 de Julho

 

O Dia do Motorista, comemorado em todo o país no dia 25 de Julho,  nunca passou em branco nas garagens das empresas de ônibus Unitrans e Santa Maria e esse ano não seria diferente. Tradicionalmente, a direção das empresas homenageiam seus colaboradores nesta data com um café da manhã. Este ano, além do café da manhã, as empresas vão recepcionar seus pofissionais também à noite, com uma ceia especial.

“Como quem estava na escala da tarde/noite nunca participava do café da manhã, nós resolvemos ampliar as homenagens também para o turno da noite, a fim de contemplar a maior parte dos nossos colaboradores”, explica a diretor da Unitrans, Lorena Dantas.

Na Santa Maria, as homenagens acontecem na próxima segunda-feira (25), na garagem da empresa, no Distrito Industrial. O café da manhã será servido das 3h30 da manhã até às 6h30, enquanto que a ceia será servida entre 20h e 23h. Já na Unitrans, a ceia será servida na segunda-feira (25), no mesmo horário da Santa Maria,  e o café da manhã na madrugada da terça-feira (26), na garagem da empresa, em Água Fria, também no mesmo horário.

A gerente de Recursos Humanos da Unitrans, Isabela Maria, lembra que como o trabalho dos operadores em contato com o público é realizado em equipe, a homenagem não fica restrita aos motoristas e é estendida a todos os demais profissionais que atuam no setor operacional. “Eles trabalham juntos, é um trabalho em equipe, por isso, a homenagem também se estende a todos os operadores”, destaca Isabela.

A Unitrans e a Santa Maria integram o Grupo A. Cândido, uma holding que nasceu na Paraíba e que atua em quase todos os estados do Nordeste com empresas de ônibus urbanos, intermunicipal e interestadual, além de concessionárias de veículos, locação, turismo, transporte de combustível,  entre outros negócios e empreendimentos.

Inteligência emocional é o tema que está sendo trabalhado com os profissionais da Unitrans em mais uma etapa do ‘Operador em Ação’

Posted on

Os operadores das empresas de ônibus Transnacional e Reunidas, que integram o consórcio Unitrans, retomaram nesta terça-feira (19), os treinamentos do projeto ‘Operador em Ação’. Desta vez, o tema trabalhado é ‘Inteligência Emocional’. A capacitação que acontece, nos turnos da manhã e tarde, até a próxima sexta-feira (22) está sendo conduzida pela gerente de Recursos Humanos da empresa, Izabela Maria. O treinamento, que faz parte das ações mensais do projeto ‘Operador em Ação’, está sendo realizado no auditório da empresa, em Água Fria.

A proposta desta capacitação, segundo Izabela, é mostrar aos operadores o quanto eles precisam se autoconhecer para enfrentar os desafios do dia a dia, seja no trabalho ou em casa, da melhor forma possível. “Nas nossas inúmeras atividades e atribuições, somos um pouco de heróis e essa dinâmica trabalha exatamente essa capacidade de superação de cada um de nós, frente aos desafios diários, mostrando que cada um deve fazer a sua parte e não esperar pelo outro, que precisamos ter controle sobre nossas emoções, principalmente quem exerce atividade como a de motorista”, explica Izabela.

Durante a capacitação, os operadores assistem vídeos, falam sobre situações adversas e de como conseguiram superar esses momentos e recebem dicas importantes para enfrentar situações de estresse no trânsito usando a inteligência emocional. No final da capacitação todos escutam a música ‘É preciso saber viver’.